terça-feira, 24 de junho de 2008

10 anos sem Leandro


Caros Amigos


Nesta segunda-feira, dia 23, se fez 10 anos da morte do grande Leandro (Luis José Costa) da dupla Leandro e Leonardo. Nascido em Goianápolis, torcedor do Palmeiras, formou dupla sertaneja com seu irmão Leandro, onde fizeram sucesso nos anos 90 até que no dia 23 de junho de 1998, Leandro faleceu vítima de uma espécie rara de câncer.


Tudo começou na roça, quando ainda eles trabalhavam na plantação de tomate da família.Até que Leandro percebeu sua vocação para a música, e chegou a ser vocalista de uma banda chamada "Os Dominantes", que fazia covers de músicas dos Beatles e de Roberto Carlos. Em 1983, Leandro abandonou a banda, e formou a dupla com seu irmão Leonardo. Pouco tempo depois, já venceram um programa de calouros da TV local, e com o dinheiro ganho no concurso foram para São Paulo gravar um álbum com tiragem de 500 cópias, que não fez sucesso. Apesar do disco não ter feito sucesso, abriu as portas para que fossem contratados por uma gravadora, na qual lançaram dois discos: "Leandro e Leonardo volume 1" em 1986, e "Leandro e Leonardo volume 2" em 1987. Até então os dois ja eram conhecidos no estado de Goiás, e no meio sertanejo.


A dupla, emplacou grandes sucessos como "Eu Juro", "Não Aprendi a Dizer Adeus" e "Um Sonhador", último sucesso. Leandro fez parte dos apresentadores do programa "Amigos", da Rede Globo ao lado de grandes nomes da dupla sertaneja como Chitãozinho e Xororó, Zezé di Camargo e Luciano e seu irmão, Leonardo. O destaque maior que faço neste artigo foi quando no nono álbum da carreira, conseguiram emplacar mais um hit, dessa vez com influências do country, a canção "Festa de Rodeio" escrita por Reinaldo Barriga, César Rossini e César Augusto.


Em 1996, ainda pelo nono álbum, a dupla emplacou o hit "Eu Juro", uma versão em português da canção "I Swer", escrita por F.J.Myers e G.Baker. E do novo álbum de 1996, "Leandro e Leonardo Vol. 10", saiu o hit "Doce Mistério". No 11º álbum, de 1997 lançaram o sucesso nacional "Cerveja" 49º lugar nas paradas. Em 1998 lançaram um álbum infantil com o nome de "Só Para Crianças", com musicas infantis clássicas como "Noite Feliz" e "Se essa rua fosse minha". No mesmo ano de 1998, lançaram o álbum "Um Sonhador" pela BMG Brasil, o último da carreira, e com muitos sucessos: "Deu Medo" (21º lugar nas paradas), "Um Sonhador" (76º Lugar nas Paradas) e "Cumade e Cumpade" (88º Lugar nas Paradas).


Logo após a morte de Leandro, surgiu rumores de que Leonardo abandonaria a carreira devido a perda de seu irmão, mas ele continuou com sua carreira solo, mantendo sucesso até hoje. Sem dúvida, a morte do Leandro causou uma grande tristeza para todos nós, mesmo para aqueles que não são muito fãs da música sertaneja. Mesmo assim, até os nosso dias ele é lembrado pelos grandes sucessos, seu carisma e sua humildade.


2 comentários:

Anônimo disse...

Leandro foi é sempre será muito especial,a saudade é grande + sei que ele está feliz onde quer que esteja.
tania martins - são luis ma

celmi disse...

LEONARDO, EU SEI QUE FOI MUITO TRISTE A MORTE DO LEANDRO MAS SO QUERO QUE TODOS,SABEM QUE NUNCA VOU ESQUECER.LO. AMO VCS DOIS NO FUNDO DO MEU CORAÇÃO.